SUS deve disponibilizar o medicamento BENLYSTA (BELIMUMABE) para o tratamento de Lúpus Eritematoso Sistêmico

A paciente foi diagnosticada com Lúpus Eritematoso Sistêmico.

O médico assistente prescreveu tratamento com o medicamento BENLYSTA (BELIMUMABE) , que é um anticorpo monoclonal humano dirigido a BAFF (também conhecido como estimulador de linfócitos B). BAFF é um fator vital de sobrevivência e diferenciação das células B, produzido pelas células da linhagem mielóide.

Contudo, o SUS negou o tratamento com o medicamento BENLYSTA (BELIMUMABE) sob o argumento que não consta no RENAME, ou seja, não consta nas listas do SUS.

Assim, diante da necessidade do uso imediato do medicamento BENLYSTA (BELIMUMABE) e da não disponibilização do medicamento pelo SUS, ingressou com ação judicial, com pedido de liminar, para que o medicamento BENLYSTA (BELIMUMABE) seja disponibilizado imediatamente pelo SUS para o seu tratamento.

Em caso de dúvida consulte um especialista.

O Escritório Corrêa da Silva, Martins é especializado em planos de saúde, SUS, Direito Médico e Direito da Pessoa com Deficiência.

Felipe Müller Corrêa da Silva, Advogado com atuação exclusiva nas áreas Direito à Saúde (Planos de Saúde e SUS) e Direito Médico.

Janine Martins Corrêa da Silva, Advogada com atuação nas áreas de Direito da Pessoa com Deficiência (PCD) e Direito Médico.

Deixe um comentário